quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Minhas mãos oferecem-te este carinho

Entreguei meu coração ao teu destino
Para que o cuides na minha ausência
Senti também que entrei em desatino
Que meu corpo se sente por carência

De minhas mãos ávidas e verdadeiras
Recebe também a chave do meu cofre
Onde guardo as tristezas e brincadeiras
Só tu conheces a chave de quem sofre

Minhas mãos oferecem-te este carinho
Sei que não te arrependes de o aceitar
Guarda em teu peito, naquele cantinho
Onde o sintas, sei que o vais respeitar
..........

12 comentários:

  1. Poema cheio de amor e carinho. Simplesmente maravilhoso
    É tão bonito quando se entrega a chave do coração.
    Beijo

    ResponderEliminar
  2. Quanto amor contido nas palavras destes lindos versos.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  3. E claro que este carinho será recebido com muito amor
    Que versos lindos!
    Beijinhos poéticos

    ResponderEliminar
  4. Maria dos Anjos....
    Parabéns por mais essa aula de romantismo e sensualidade.
    Um poema romântico pode e deve ser sensual.
    E teu jogo de rimas e palavras faz isso com uma rara competência.
    Parabéns novamente!!!

    ResponderEliminar
  5. Olá,

    Lindo poema, cheio de sentimentos. Adorei.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Uma entrega: a chave do coração.
    Muito lindo e significativo.
    Beijos

    http://odiariodaescrava.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  7. Olá Maria!
    A partir de agora passa pelo Intervalo para Café, que os gajos do Sapo não querem que eu escreva mais palavrões no Pausa para Café. Maneiras que vai ficar em stand by.

    (esta musica é lindaaaaa)

    ResponderEliminar
  8. Sempre arrasando com suas belas canções arrasou
    Vídeo novo: https://www.youtube.com/watch?v=apP6eHn5PlI
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  9. Boa tarde, mãos ávidas que se movimentam comandas pelo coração cheio de amor, o poema é maravilhoso.
    AG

    ResponderEliminar

Mensagens populares