terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Festas felizes e positividade para todo o Mundo.


Resultado de imagem para imagens de natal

A Administração deste blogue deseja-vos festas felizes. Que o Ano de 2017 seja cheio de positividade, para todo o Mundo.

Saudações festivas.

sábado, 19 de novembro de 2016

Bate o meu coração tão pulsante

Imagem relacionada

Bate o meu coração tão pulsante
Por um ídolo que guardo secretamente
Sua sensualidade é intensa, inebriante
Que me deixa enternecida constantemente

Tua intensidade que em mim faz crescer
A confiança de ter-te no meu coração
Que iluminado, tudo pode acontecer
Bate serenamente tomado pela emoção
.

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Vai nu o meu pensamento em tua direcção

    Resultado de imagem para imagens pensamentos nus

    Vai nu o meu pensamento em tua direcção
    Como nua é a aragem que teu rosto beija
    Faz bater minha alma e atiça meu coração
    E os meus sentidos, que teu olhar deseja
    .
    Acredita que o pensamento é determinante
    E leva minha, uma doce e dócil mensagem
    Para que te lembres por um breve instante
    Que és para mim a mais fresca aragem
    .
    Imagino o teu sorriso tão belo, confortante
    Nesse rostro tão carinhoso e contagiante
    Que se insere na azáfama deste momento
    .
    Em que pela tua doçura, me oferece dizer
    Penso em ti qual aragem a fim de arrefecer
    Este desejo de ti que trago no pensamento
    .
    Autor: Nuno Filipe

terça-feira, 15 de novembro de 2016

Como pegar um corpo desconhecido


Como pegar um corpo desconhecido
Fazendo dele meu enérgico momento
Se apenas o imagino belo, destemido
Tão vibrante dentro do meu pensamento
.
Como pegar um corpo que silencioso
Vive fora do alcance da minha mão
Mesmo querendo esse corpo airoso
Só lhe toco através da imaginação
.
Mas digo-te assim muito baixinho
Que intensamente entre uis e ais
Me dirias cheia de doçura e carinho
Nuno, pára, já não aguento mais
.........
Autor: Nuno Filipe ...

domingo, 13 de novembro de 2016

Chega devagar, fino fogo em labareda


Chega devagar, fino fogo em labareda
Que arde na noção da nobre incerteza
Voz calada de pensamento em queda
De uma voz calada em afoita certeza
.
Nota como o arco-íris o céu ilumina
Em líricos fios luzentes de ausência
Quando o desejo arde e nos ensina
Que a união encalha na transparência
.
De delírio dito na negação constante
De uma convicção negada e sentida
Vem dar luz ao anseio alucinante
De uma verdade que arde, invertida
.
Òh sapiência de quem vez reclama
De um vislumbre de fulgente cena
Quando uma voz imaginária, clama
Dizendo: Não vale mesmo a pena
...............
Autor: Nuno Filipe ...

sábado, 12 de novembro de 2016

Tua pele húmida com aroma de flor silvestre

Tua pele húmida com aroma de flor silvestre
Meu corpo colado ao teu em beijos de erosão
Nossas línguas entrelaçadas, desejos, tesão
Gemidos, sussurros, suor em aroma campestre
.
Palavras sem nexo, entre êxtases intensos
“Gritos” quebrando o silêncio do escuro
Soltos palavrões que da tua boca, procuro
Pernas entrelaçadas, sexos unidos, apensos
.
“Embebedam-se” nossos corpos de prazer
Silêncios nos carinhos e espasmos ousados
Onde nossas mãos são delírios procurados
Pétalas de aroma no silêncio do teu gemer
.
Febris são os beijos que nós dois trocamos
Lençóis testemunhas da nossa épica nudez
Que sugam o aroma do carinho que talvez
Mostre ao mundo a forma como nos amamos
.
São loucos os devaneios nessa forma de beijar
Carícias molhadas num corpo a que não resisti
Numa madrugada em que tanto suspiro por ti
Flor silvestre, és o perfume do meu respirar

.
Autor: Nuno Filipe.

terça-feira, 1 de novembro de 2016

Nos elos do amor que ainda perdura



Olho as estrelas, sorrio para o infinito
Recordo palavras, sorrisos, mágoas
Por vezes até penso que não existo
Que sou mar ondulando suas águas
.
Olho o luar que a noite faz crescer
Sentado naquele banco, em solidão
Imagino-te linda como o sol nascer
Imagino-te iluminar o meu coração
.
Ao sentir a humidade da noite escura
Dou um abraço no vento que passa
Nos elos do amor que ainda perdura
Me prendo nas amarras da tua graça
.

sábado, 22 de outubro de 2016

Sentimento de culpa

Resultado de imagem para imagem de lágrimas
Disseste não merecer mais uma conversa tua
Por simplesmente falar o que sinto, e inferior 
Ficou o meu coração sozinho e triste, com dor
Num dia, parecendo noite, sem o brilho da lua

Se não soube entender a conversa, desculpa
Esperava o meu coração, aqui, com saudade
Sempre fico mal e com sentimento de culpa
Tortura esta, que me deixa triste de verdade 
-

terça-feira, 18 de outubro de 2016

Deste fogo me quero libertar

Deste fogo me quero libertar
Soltando da garganta um grito
Que teu coração possa apagar
Este amor que está em conflito
.
Dorido por saber que por decisão
Do teu olhar fixo e austero
Deixaste que saísse do teu coração
Que para mim é tão severo
.
Sinto aqui dentro a esperança
Que um dia vais para mim voltar
E nesse momento de bonança
Não me cansarei de te beijar
.
E nesse momento em que liberto
Das amarras do fogo denso
Sentirei a liberdade que decerto
Esse fogo será um amor intenso
.
Autor: Nuno Filipe

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Na solidão de um banco de jardim


Na solidão de um banco de jardim
Senti meu coração chorar demais
E dissesse baixinho para mim
Quem esperas não volta mais
.
Baixei a cabeça e em pensamento
Deixei que as lágrimas em meu rosto
Lavassem o meu castigado momento
E assim aliviassem esse desgosto
.
Promessas de amor um dia me fizeste
Deixando meu coração enamorado
Talvez de uma palavra te esqueceste
Da solidão em que senti encontrado
.
Hoje seria diferente pois essa razão
Que o vento por forte um dia levou
Abandonando o meu pobre coração
Que em solidão, sofrendo me deixou

Autor: Nuno Filipe

sábado, 15 de outubro de 2016

Sinto no peito esta sensação de vazio

.

Sinto no peito esta sensação de vazio
Por saber que estás tão longe de mim
Não sei se é dor ou simples calafrio
Só sei que é um sofrimento sem fim
.
Quando o amor é pensamento sofrido
E nos transporta para além da saudade
Decerto que deixa o coração dolorido
Derramando lágrimas de infelicidade
.
Por isso meu coração se sente desfalecer
Quando sente que o teu sofre sem aprumo
Sinto que triste melancolia o faz padecer
Deixando-se vaguear pesaroso sem rumo
.

sábado, 8 de outubro de 2016

Beijando teus lábios purpura cálida flor

.....................................
Beijando  teus lábios  purpura cálida flor
Senti como teu peito de calor, estremecia
Saltavam de teus lábios, chamas de amor
Frescas são tuas mãos quando acariciam
.
Teu abraço me enche o peito de carinho
Como se o ontem, hoje se desvanecesse
Sussurrando aos meus ouvidos, baixinho
Como se o amanhã para nós não viesse
.
Sabendo que juntos somos alma querida
Quando te digo em silêncio e sussurrado
Ninguém  foge aos  destinos  desta vida
Quando um coração se sente apaixonado
........

terça-feira, 20 de setembro de 2016

Tatuei o teu nome numa singela flor


Tatuei o teu nome numa singela flor
Esta, que mais se identifica contigo
Flor-de-lotus, por quem nutro amor
Nesta ondulação tu navegas comigo

Teu cheiro, o aroma  que me fascina 
Tuas palavras, minha  alva confiança
Teu coração é meu, para  minha sina
Tatuei teu nome em flor de esperança

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Teus lábios, duas rosas púrpura de carinho

.
Teus lábios, duas rosas púrpura de carinho
Sedução de aroma em teu rosto trigueiro
Onde quero depositar um mélico beijinho
De tantos, sintas, como sendo o Primeiro
.
Quero olhar-te e nesse beijo sensibilizado
Dado em teu rosto que adorna a vivência
Doce aroma da rosa em gesto perfumado
Amar-te para sempre em doce existência
.
E num abraço que reflicta o céu e a flor
Sem falas, ter teu  corpo que  docemente
Aperto em  mim, dizendo-te: Meu amor
Beijar-te, como  à rosa,  carinhosamente
.

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Perder-te, é o mais temível dos meus medos

Resultado de imagem para imagens de abandono

Neste baloiço onde tantas vezes andámos 
Sorrimos, brincámos, trocámos segredos
Abri o meu coração de tantos degredos
Serei sempre leal e grata ao que passámos 
Perder-te, é o mais temível dos meus medos

sábado, 20 de agosto de 2016

Sinto-te tão meu, ao mesmo tempo tão distante


O dia  acabou, no meu canto  continuei  sozinha
Esperava a tua visita ao meu castelo encantado
Teu sorriso, tuas palavras, até teu beijo marcado
Meus olhos imaginam e minha mente  acarinha

Sinto-te tão meu, ao mesmo tempo tão distante
Que já não me observas como o fazias outrora 
Meu olhar enfraqueceu  por te sentir ir embora
Sinto que a distancia é minha inimiga constante.

segunda-feira, 1 de agosto de 2016

A tua voz enlouquecida me dizia


Em noite escura e tranquila, sentia
O sussurrar do teu corpo, no meu
Tua voz enlouquecida que me dizia 
Palavras tão lindas. Meu corpo tremeu

Sentia-te percorrer ávido, serenamente
Como uma  pena de  alba candura
Meus sentidos despertavam ardentemente
Ao sentir-te em mim... Quanta ternura.

quarta-feira, 6 de julho de 2016

Beijo-te meu amor em triste pensamento

........................
Olhei as estrelas… seu brilho estonteante
Deixou em mim imagens carentes e nuas
Fez-me lembrar por um renovado instante
Juras de amor respiradas por palavras tuas
.
Estrelas que me vigiam tão expectantes
Parecem, pela luz, guiar o meu caminho
Fazem-me recordar de ti e por instantes
Fico  tão feliz por não me sentir sozinho
.
E assim olhando a luz que no céu presente
Me dá a alegria por um simples momento
Sinto a paixão dessa felicidade tão carente
Beijo-te meu amor em triste pensamento
...............................

quinta-feira, 30 de junho de 2016

Sinto que o teu cheiro me seduz...


Sinto que o teu cheiro me seduz
Quando o desejo é tão importante
É o teu olhar, minha própria luz
Que me guia, me deixa expectante 

Dou-te meu beijo, deixo-te louco
Sussurro-te com palavras ofegantes 
Dizer que te amo, é tão pouco  
No desejo dos teus beijos distantes 
...

sábado, 4 de junho de 2016

Enquanto a noite dorme.

Enquanto a  noite dorme e se faz silêncio 
Leio a carta que me escreveste com frieza
Rolam  as lágrimas amargas, que silencio 
E dentro do meu coração inunda a tristeza 
.
Noite  escura e lembranças que fazem doer
Quanta dureza existe em certas horas do dia
Não existe coração que mereça assim sofrer
Quando do nada lhe é ceifada toda a alegria
...

sexta-feira, 3 de junho de 2016

Em teu corpo me descubro em pura nudez ( Erótico, não pornô)


Mareando em teu corpo de fina ondulação
Feito barco sem final de ventilada jornada
Libidos abraços em desvarios de perdição
Onde a tormenta são vestes de pele suada
Navegando por entre as ondas do teu sentir
Perdido entre as falésias da nossa essência
Sussurros de vento, tua voz sabendo emitir
Tempestade de amor qual água de carência
 .
Apaixonada voz que clama por água arejada
Palavras de luxuria em termos ditos de nada
Sorrisos de afecto que brotam da tua timidez
Abraço lascivo pela volúpia da água salgada
Colas ao meu corpo numa malícia desejada
E em teu corpo me descubro em pura nudez
...........................

Poema escrito pelo amigo: Nuno Filipe.

domingo, 22 de maio de 2016

Sofre e chora em sufoco o meu peito

Sofre e chora em sufoco o meu peito
Sentimento de desprezo, é o que sente
Escorrem lágrimas em coração desfeito
São sentimentos de quem não te mente

Que sufoco, que momento tão triste
Que sofrimento tem o meu coração
Foste embora mas não te despediste
E neste sufoco vou dormir em aflição.
...

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Esta sensação que em meu peito nasceu

.............................

Esta sensação que em meu peito nasceu
Quando ainda era tão imberbe menino
Que para sempre em mim prevaleceu
E que toda a vida marcou meu destino
.
Um vínculo gerado em sorriso e emoção
Um cálice de amor e de feliz bem-estar
Que transporto sempre no meu coração
Sendo LUZ de vida que me faz caminhar
.
Sempre na margem do meu pensamento
Uma palavra, esse amor e carinho, justifica
Cada passo, casa sorriso, cada momento
Tem a palavra maior: Chama-se BENFICA
......................................................
"" Escrito por: Nuno Filipe ""
.

sábado, 7 de maio de 2016

Chove lá fora

Chove lá fora
olho através da vidraça
molhada
Imagino-te
aqui comigo
Sorridente
Perfumada
Como outrora
Tempo ido
Não volta mais
Troveja
Sinto-te
Mesmo que não te veja
Ou seja
Que sem ser meu desejo
Apenas vejo
Que chove lá fora
............
Autor: Nuno Filipe.

segunda-feira, 25 de abril de 2016

...Momentos!


As lágrimas, são a tristeza, o sofrimento
Saídas, da profundidade do meu coração
Como o peso das palavras, são  tormento 
Neste momento, em que fiquei são chão.
..
):

segunda-feira, 11 de abril de 2016

Se eu fosse o vento, em teu corpo bateria

.............................

Se eu fosse o vento, em teu corpo bateria
Refrescando o teu coração de amor vadio
E com carinho, meu amor, te convidaria
A viajar comigo por sobre as águas do rio

Bateria em teu rosto em carícias de amor
Viria o teu cabelo pelos ares em desalinho
Faria com que dançasses como uma flor
Ao som da música de um mélico beijinho

Acredita meu amor como seria tão diferente
Nem imaginas as palavras doces que te diria
Se eu fosse vento, de uma forma comovente
Em teu corpo amado, para sempre viajaria
.

sábado, 19 de março de 2016

Momentos...

Não existem palavras quando o momento é de dor
Não existem palavras, quando eu me tento calar
Não existem palavras quando me sinto a sangrar
Por causa das palavras que ferem, o meu amor
...

domingo, 28 de fevereiro de 2016

Fazes-me falta.

Como é possível o nosso tempo esgotar
Meu coração não dormiu, está magoado
Não é fácil desistir-se do verbo amar
Fazes falta, ao meu coração amargurado.
.

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

Quando por ti me esforço a vida inteira.


Olho o horizonte que não vejo
Penso em palavras que nunca desejei ouvir
E sobre uma lágrima de ansejo 
Preciso que acredites...para não desistir.

Um desejo louco se apoderou de mim
Quero mostrar-te o quando te sou verdadeira
Todo o sentimento se transforma num frenesim 
Quando por ti me esforço a vida inteira
*

domingo, 14 de fevereiro de 2016

O meu coração não te olvida

Não importa se o que nos separa é a distancia
Importa sim o quanto para mim tu és perfeito
Não importa se não te vejo mas tem relevância
Tuas palavras sempre ditas, sobre elas me deleito

Não importa se já me esqueceste da tua vida
Não importa se por mim não tens sentimentos
O que importa, é que meu coração não olvida 
O carinho dado outrora, em especiais momentos.
..........

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Sinto-me afastada do sol da minha vida



Sinto-me afastada do sol da minha vida
Passa por mim e sinto que me ignora
Nesta solidão onde me sinto perdida
Com sentimentos de saudade, d'outrora
*
Numa procura onde dou tudo de mim
A falta do teu aconchego me entristece
Não consigo ignorar este meu frenesim
De te olhar, de lágrima, que permanece.
....

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Minhas mãos oferecem-te este carinho

Entreguei meu coração ao teu destino
Para que o cuides na minha ausência
Senti também que entrei em desatino
Que meu corpo se sente por carência

De minhas mãos ávidas e verdadeiras
Recebe também a chave do meu cofre
Onde guardo as tristezas e brincadeiras
Só tu conheces a chave de quem sofre

Minhas mãos oferecem-te este carinho
Sei que não te arrependes de o aceitar
Guarda em teu peito, naquele cantinho
Onde o sintas, sei que o vais respeitar
..........

sábado, 23 de janeiro de 2016

Sabes amor, que por ti morro de respeito

Sabes amor, que só tu és o meu perfume
A flor, que me faz olhar-te com carinho
O prazer e a tristeza de algum queixume
A flor que me acompanha neste caminho

Sabes amor, que por ti morro de respeito
Apesar das diferenças, sempre  seguirei
Teus conselhos, que enaltecem meu jeito
Me fazem crescer, isso nunca esquecerei.
.....

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Caem-me as lágrimas em sufoco mudo.

 Noite escura, esta, tristeza sem fim
Desapareceram as estrelas, enevoou 
Parece que mundo desabou sobre mim
Minha máscara, tristonha, assim chorou
.
Perdi o sorriso, perdi a graça, perdi tudo
Perdi todo o gosto de te encantar
Caem-me as lágrimas em sufoco mudo
Sozinha fiquei, na escuridão a meditar
.
Recordo palavras que nas entrelinhas li
Gravei-as, para não mais esquecer
Sinto que não sou nada, sinto que perdi
Fico olhando a escuridão...a desfalecer.
..

domingo, 10 de janeiro de 2016

Cai a chuva molhando teu corpo, meu mundo

..............................
Cai a chuva molhando teu corpo, meu mundo
Perdem-se as gotas por entre ruelas de vida
Geram no ego de quem ama, amor profundo
São verdades puras no âmago da dor sentida

Caem pingos de subtileza e mélica amizade
Lavando mágoas que sobrevivem ao tempo
Trazem sentimentos e sensações de verdade
Que molham veredas do nosso pensamento
.
Viajando por entre céus de amor em suavidade
Torneando vis emoções, desumanos temporais
Que se esgotem gotas que trazem fraternidade
E de pureza todos os corpos se molhem mais
.

terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Só tu...

Por ti e só por ti: porque 
Só tu me fazes sentir mulher,
Só tu me fazes sorrir,
Só tu me consegues fazer chorar,
Só tu me fazes suspirar,
Só tu me fazes continuar a lutar,
Só tu me fazes assim sofrer,
Só tu me fazes acreditar,
Só tu me fazes tanto querer,
Só tu me fazes continuar a viver,
Só tu me fazes assim crescer,
Só tu me causas a sensação do gostar,
Só por ti, e apenas por ti, vou continuar,
Porque só tu me dás a força, o alento,
Que um coração que ama, precisa ter.
.....
Um feliz 2016

sábado, 2 de janeiro de 2016

Que seja eterno.

Que seja eterno, o  meu amor
Este sentimento que faz sorrir
Teus olhos me causam tremor
 A tua boca, o meu desejo elixir
*
Que seja eterno o sentimento
Que no meu coração guardei
Ao olhar-te senti aliciamento
Mas deste sonho eu acordei
*
Que seja eterno  e verdadeiro
O que nos une, que é tão belo
Quero o teu amor  por inteiro
Porque somos os dois, um elo.
*
Feliz Ano de 2016.

Mensagens populares