segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Acordei sozinha, foste embora...

Acordei sozinha, foste embora
Deixaste como carinho, uma flor
Para compensar saudade que mora
No meu coração que sente dor

A dor não dói, mas faz pensar
No carinho que nós sentimos
Sejam palavras que a versejar
Um ao outro,  nos seduzimos

Acordei desnudada na ilusão
De que estarias a meu lado
Foste embora e o meu coração
Recebeu tua flor, ficou consolado
....

10 comentários:

  1. Quanta delicadeza em partir e deixar uma flor.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  2. Lindo!!

    Beijinho e um dia feliz
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Boa tarde,

    "Não sei…

    Não sei se ainda estás aqui ou já foste embora,
    Não sei se corro atrás de ti ou deixo-te ir,
    Não sei se te ligo ou deixo o orgulho ganhar…
    Só sei que para sempre vou te amar! “

    ResponderEliminar
  4. Um poema muito bonito e delicado!

    Um beijinho e boa semana


    ResponderEliminar
  5. Muito lindo o poema, foi atencioso deixando uma flor, beijo amiga

    ResponderEliminar
  6. O poema fala de partidas que mexe sempre com os corações que estão amando.
    Ausência recompensada com a flor vermelha.
    Parabéns Maria

    ResponderEliminar

Mensagens populares