quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Sinto o coração apertado

.............
Sinto o coração apertado
Por esta dor que me doeu
Por não estares a meu lado
Por não ter um beijo teu
.
Sinto a alma tão dorida
No corpo sinto tormento
Tenho o coração em ferida
Pelo teu afastamento
.
Mas quem sabe se um dia
Um sorriso traga a união
E eu sinta essa alegria
De voltares ao meu coração
.

9 comentários:

  1. Lindo... mas tocante! Serve até para reflectir.

    Beijinhos...Gostei muito!!

    ResponderEliminar
  2. Caro Gil António....
    Uma quadra recheada de saudades e sentimentos.....a saudade de quem se vai é muito dorida e dolorosa... e o sentimento de esperança pela volta continua...
    Isso é amor...
    Parabéns!!!

    ResponderEliminar
  3. Boa tarde Gil António
    Que te dizer deste poema?
    Soberbo... mexendo com sentimentos...
    Deixo o meu sorriso :-)

    Amei

    ResponderEliminar
  4. Do mais lindo que já li aqui. Parabéns
    Hoje também tenho um aperto no coração...



    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Poema maravilhoso amei
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=EgeQXJjUpSQ
    Blog:http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  6. Com certeza Gil, tudo vai correr bem, gostei muito da quadra, como sempre, beijo

    ResponderEliminar
  7. Quem ama mantém sempre viva a esperança do reencontro.
    Belíssimo poema, Gil
    Um grande beijo no coração

    ResponderEliminar
  8. Como sempre magnifico Gil nas suas quadras, amei!
    Beijos

    ResponderEliminar

Mensagens populares