segunda-feira, 27 de abril de 2015

Tenho preso (..)

**
Tenho preso na minha garganta
Grande farpa que me causa dor
Por muito mais que eu te garanta
Não te consigo convencer, meu amor

Existem coisas banais sem sentido
Palavras frágeis perdidas no além
Poder garantir que não tenho mentido
Na incerteza de uma passado aquém.
**

4 comentários:

  1. Sempre com quadras de encantar!

    Beijinhos e uma excelente semana.

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Bom dia, linda declaração de amor com o coração repleto de um lindo sentimento.
    AG

    ResponderEliminar
  3. Muito linda poesia! Ótima semana! bjs,chica

    ResponderEliminar

Mensagens populares